20 de set de 2010

" O poder de um sorriso é simples e rende muito..."


É algo assim tão simples de se dar,talvez uma forma de lapidar aquele ser machucado que com seu sorriso você espanta toda tristeza que há no momento,um riso é o remédio da alma é simples e não te cobra nada alegria brilha ao ar como uma criança a brincar de tão ingénua que é o palhaço arrancar em instante um sorriso fazer brotar na face da criança a raiar quem nunca sorriu ao ver uma coisinha tão pequenina a sorrir nada a de parar gargalhadas altas invade o ar e a criança a se encantar com as palhaçadas a brincar o então porque você não vem a sorrir nada de tão grande a lhe pedir um simples sorriso somente eu quero ver surgir em momentos de angustias suas não te ver assim sorri conforme eu dou meu riso a ti não deixe de sorrir por maior que a tristeza possa ser sorrir para ela e deixe ela então morrer e olhe ao redor e veja o quanto a pra se viver liberte-se pinte as cores do seu dia a dia sorri pra vida de espaço para alegria mandado a tristeza embora no seu dia a dia ela passa tão de pressa e é tão simples você retribuir a um sorriso basta você se permitir e deixar sentir o seu ser a alegria surgi simplesmente sorrir,sorria não deixe de se divertir lhe indico o remédio a seguir para a dor sumir sorria sempre que a dor surgir pois a vida e assim um arco-íris a surgi que ao olhar você venha sorrir sempre que desejar dar espaço a alegria te incendiar a você meu maior sorriso me retribua sorria pra mim e pra vida permita-se sorria.

Autoria: **Val**

Nenhum comentário:

Postar um comentário