18 de set de 2010

"Ausêçia da saudade livre pra voar sem medo se ira voltar a reencontrar o desejo a saciar."

 Uma emoção forte toma conta do meu ser é ela que chega assim sem ninguém a ver não lhe pede permissão adentrai dentro do nosso ser a ausência do querer quando ela dominou meu ser ai que ela me leva a pensamentos e se apresenta a mim a descubro assim saudade que arde dentro de mim me trazendo lembranças de um momento a relembrar a mesma lembrança que não quer passar é a saudade que vem me aproximar como se estivesse presente ao meu lado.
Saudade gostosa que jamais vai embora uma saudade livre que sabes que vai voar mais que de tanto queimar meu ser ela vai me entristecer para saber o quanto ela se faz presente dentro do meu ser podendo ter a certeza do quanto ela saudade não precisa bater se ao tocar aos braços teus a calmaria paira no ar da felicidade que irei me jogar sem medo se iras voltar voando saudade sempre ira buscar um cantinho em teu ser se aloja para que minha imagem jamais venha te apagar a doce lembrança de novamente nós amar como dois cisnes a nadar pássaro branco a voar para uma noite de luar nós contemplar ausência ira machucar mais o reencontro sempre existira para assim poder respirar momento de emoções a flor da pele gritar o canto tenho vontade de te saciar e desse sabor provar sempre que a saudade nós reencontrar assim sempre ficara uma lembrança gostosa misturada de saudade a nós encontra.

Autoria :**Val**

Nenhum comentário:

Postar um comentário